Notícias

Governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB) destacou que sua gestão está sempre aberta ao diálogo, e que a medida prejudica os alunos que querem estudar.

Alckmin critica ocupação das escolas em São Paulo

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), criticou, nesta sexta-feira(4), as ocupações em escolas e universidades. Em evento no Palácio dos Bandeirantes, o tucano destacou que sua gestão está sempre aberta ao diálogo, e que a medida prejudica os alunos que querem estudar. “Nós temos dois balizamentos. Um é sempre estar aberto ao diálogo, ouvir, discutir. Aliás, sobre a reforma do ensino médio, vamos ouvir professores, alunos, pais de alunos para dialogar”, afirmou.

Alckmin critica ocupação das escolas em São Paulo

Brasília (DF) – O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), criticou, nesta sexta-feira(4), as ocupações em escolas e universidades. Em evento no Palácio dos Bandeirantes, o tucano destacou que sua gestão está sempre aberta ao diálogo, e que a medida prejudica os alunos que querem estudar. “Nós temos dois balizamentos. Um é sempre estar aberto ao diálogo, ouvir, discutir. Aliás, sobre a reforma do ensino médio, vamos ouvir professores, alunos, pais de alunos para dialogar”, afirmou.

“Agora, a ocupação é um problema porque você tira o direito de quem quer estudar, você tira o direito de professor que quer dar aula. Temos Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) agora domingo, então você prejudica alunos que estão saindo para fazer a faculdade, que querem entrar em uma universidade pública”, constatou o governador.

Geraldo Alckmin também defendeu a atuação da Polícia Militar do Estado, que tem agido para desocupar as unidades escolares. “São Paulo tem tido esse cuidado de ter tido o diálogo. A Procuradoria-Geral do Estado já deu o parecer pela autotutela e isso foi confirmado pelo Tribunal de Justiça”, completou.

As informações são de reportagem do jornal O Estado de S. Paulo. Leia AQUI.

Fonte: Site do PSDB

Link para ler no original: http://bit.ly/2eEHZ8Y