Notícias

Alckmin e Doria decidem congelar tarifas de trem, metrô e ônibus em 2017

Em meio à forte recessão econômica que resultou na queda dos salários e no aumento do desemprego, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o prefeito eleito da capital paulista, João Doria, decidiram ajudar os paulistanos a enfrentar a crise. As tarifas de trem, metrô e ônibus da capital paulista serão mantidas nos atuais R$ 3,80 durante todo o ano de 2017. O congelamento do valor será anunciado nesta sexta-feira (30) por meio de um comunicado assinado pela equipe de Doria e pelo governo estadual.

Em meio à forte recessão econômica que resultou na queda dos salários e no aumento do desemprego, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o prefeito eleito da capital paulista, João Doria, decidiram ajudar os paulistanos a enfrentar a crise. As tarifas de trem, metrô e ônibus da capital paulista serão mantidas nos atuais R$ 3,80 durante todo o ano de 2017. O congelamento do valor será anunciado nesta sexta-feira (30) por meio de um comunicado assinado pela equipe de Doria e pelo governo estadual.

Segundo a Folha de S. Paulo, após a eleição municipal e o anúncio feito por Doria de que manteria os preços das tarifas de transporte congeladas, o governador tucano passou a estudar e a considerar a possibilidade de também mantê-las sem reajuste ao longo de 2017.

Alckmin afirmou em um evento na última quinta-feira (29) que tentará beneficiar ao máximo os paulistanos que enfrentam dificuldades em várias áreas sociais.  “Estamos exatamente neste momento fazendo todos os estudos. Raspando o fundo do tacho, para tentar evitar reajustes. Se for feito, será o menor possível. Beneficiar ao máximo a população nesse momento de dificuldade, queda de salário e aumento de desemprego”, concluiu.

Clique aqui para ler a íntegra da matéria no jornal Folha de S. Paulo.

Fonte: Site do PSDB

Link para ler no original: http://bit.ly/2ipUSXg