Números

Para donos de pequenas empresas, crise só deve ter fim a partir de 2019

Apesar do otimismo em relação à melhora da economia no ano que vem, apenas 18% dos donos de pequenas empresas acreditam que a crise vai acabar em 2017. Segundo a pesquisa do Sebrae Nacional, que entrevistou 4.000 donos de pequenos negócios, a maioria desses empresários (52,4%) afirmam que o cenário de retração econômica só deve chegar ao fim em 2019 ou nos anos seguintes.

Brasília (DF) – Apesar do otimismo em relação à melhora da economia no ano que vem, apenas 18% dos donos de pequenas empresas acreditam que a crise vai acabar em 2017. Segundo a pesquisa do Sebrae Nacional, que entrevistou 4.000 donos de pequenos negócios, a maioria desses empresários (52,4%) afirmam que o cenário de retração econômica só deve chegar ao fim em 2019 ou nos anos seguintes. As informações são do jornal Folha de S. Paulo desta quinta-feira (22).

Por outro lado, a percepção predominante, de 62,6% dos empresários, é de que o ano que vem será melhor do que o atual.

Para Guilherme Afif Domingos, presidente do Sebrae, as percepções dos empresários são realistas. “O ano será de travessia. Não se enxerga piora, mas o empresário percebe que estamos em quadro no qual o consumidor está endividado, com medo de consumir, e o emprego ainda dá sinais negativos”, afirmou ao jornal.

Na avaliação de Afif, o próximo ano terá um primeiro semestre ainda trazendo resultados negativos para as empresas e uma segunda metade em que haverá recuperação.

De acordo com a reportagem, o pessimismo se reflete nas ações que serão tomadas em 2017: 51,6% dos empresários dizem que não farão investimentos no período.

Segundo Afif, em momento de aperto como o atual, os empresários se planejam para obter capital de giro a fim de manter seus negócios em funcionamento. Como consequência, estão postergando investimentos.

A pesquisa destacou também que a maior parte dos empresários (59,9%) considerou o ano de 2016 pior do que 2015. Enquanto isso, 17,8% acharam o ano melhor do que o anterior.

O levantamento indicou que o setor com mais empresários percebendo um ano pior foi o comércio, com 61,4% de donos de negócios apontando mais dificuldades do que no ano passado.

Clique aqui para ler a íntegra da matéria

Fonte: Site do PSDB

Link para ler no original: http://bit.ly/2i5uVJr