Propostas para Segurança

Aumento do efetivo policial nas ruas de todo o país

Colocar todo o contingente policial brasileiro nas ruas por intermédio do remanejamento e da substituição dos que atuam em funções administrativas ou outras atividades-meio dentro das corporações para ações diretas de policiamento e combate à criminalidade.

Aécio Neves

Aécio Neves

Senador (PSDB-MG)

Objetivos

  • Colocar todo o contingente policial brasileiro nas ruas por intermédio do remanejamento e da substituição dos que atuam em funções administrativas ou outras atividades-meio dentro das corporações para ações diretas de policiamento e combate à criminalidade.
  • Prover recursos federais para que os governos nos estados contratem servidores destinados ao trabalho burocrático nas corporações, liberando os policiais que estiverem lotados em funções internas para ações e operações de policiamento em externo em todo o país.

Como funcionará

  • Os estados da federação aderem à proposta, informam ao governo federal o número de policiais utilizados em funções administrativas ou outras, e fazem levantamento no mercado de salários para substituí-los por profissionais civis.
  • Pelo convênio a ser firmado, o governo federal repassará aos governos estaduais os recursos necessários para contratação desses servidores civis. Os recursos para tal fim serão procedentes do Fundo Nacional de Segurança Pública.

Quem implantará

  • Ministério da Justiça em convênio com os estados.

Público-alvo

  • Toda a população brasileira, em todas as cidades, em todas as regiões, pois o policiamento elevado se traduzirá em ações efetivas de redução da criminalidade e dará aos cidadãos visibilidade de segurança.

Benefícios

  • Promover maior segurança para a população com o aumento da presença policial nas ruas, substituindo por servidores civis aqueles que estiverem em atividade administrativa ou burocrática em suas respectivas corporações.

Onde

  • Em todo o território nacional.

Histórico

  • A proposta de aumento de policiais nas ruas das cidades e regiões brasileiras foi apresentada pelo senador Aécio Neves (PSDB-MG), durante sua candidatura à Presidência da República, em 2014.

Foto (crédito): Agência Brasil